no site na web Voltar ao inícioHome PesquisarPesquisarFale conoscoContatoMapa do siteMapa do Site

Superdieta contra o Câncer

A ciência finalmente comprovou o que mães e avós estão cansadas de saber: a receita para uma vida saudável está no prato. Certos alimentos, conhecidos como funcionais, atuam no organismo como verdadeiros remédios, uma vez que protegem o coração, melhoram o funcionamento dos órgãos e garantem longevidade. E isso não é tudo. Uma descoberta recente aponta a alimentação como uma das principais armas na prevenção do câncer. O World Cancer Research Fund (WCRF), centro com sede na Inglaterra que pesquisa soluções para a doença, acaba de divulgar uma lista com 20 alimentos que prometem fortalecer o sistema imunológico e prevenir tumores.

O segredo desses alimentos poderosos seria sua grande quantidade de antioxidantes - substâncias que combatem os radicais livres que produzem toxinas no organismo. `As vitaminas e minerais evitam que os radicais livres danifiquem a estrutura das células, transformando- as em câncer`, diz a oncologista de São Paulo Célia Tosello de Oliveira, coordenadora do Centro de Estudos do Instituto Brasileiro de Controle do Câncer (IBCC).

A especialista afirma, no entanto, que esse tipo de dieta só funciona como método de prevenção. `Não adianta recorrer aos alimentos funcionais depois da doença instalada. É preciso mudar os hábitos alimentares o quanto antes`, diz. A simples ingestão de fibras, além de evitar que substâncias cancerígenas se alojem no intestino, ajuda no seu bom funcionamento. `Mas é preciso incluir esse tipo de alimento na dieta diária antes de um diagnóstico de câncer de cólon, por exemplo`, afirma a oncologista.

O câncer ocorre quando há um crescimento anormal de uma determinada parte do corpo causado por alterações celulares. Essa reprodução desordenada de células pode ser provocada tanto por fatores genéticos quanto por substâncias e agentes cancerígenos que entram em contato com o organismo, como tabaco, agrotóxicos, conservantes e outros agentes químicos. A ingestão exagerada de gordura saturada - presente nos alimentos de origem animal - também foi apontada recentemente como sendo uma das causas de alguns tipos de câncer, como o de mama, por exemplo.

Vale lembrar que ainda não existe nenhum estudo conclusivo que aponte a redução do número de casos de câncer apenas com a alimentação, mas há boas expectativas quanto ao papel de uma dieta saudável. `A alimentação é o melhor medicamento que existe. Há uma forte relação entre ela e a prevenção de doenças como câncer, diabetes, hipertensão e problemas cardiovasculares`, afirma o nutrólogo Durval Ribas Filho, presidente da Associação Brasileira de Nutrologia. Conheça a lista dos superalimentos indicados no estudo britânico:

1 Castanha-do-Pará: é rica em selênio, que tem propriedades antioxidantes. Fortalece o sistema imunológico e ajuda na digestão, principalmente de proteínas, por causa das fibras solúveis.
Dica de consumo: 1 castanha-do-pará por dia supre as necessidades diárias de selênio.

2 Cebola: ajuda na circulação e também no bloqueio das nitrosinas, substâncias tóxicas causadoras do câncer. Outra vantagem do tubérculo é fortalecer o sistema imunológico.
Dica de consumo: base para refogado na preparação de alimentos ou empanadas do tipo `onion rings`.

3 Morango: rico em ácido elágico, combate doenças degenerativas além de sintomas de estresse. Excelente fonte de ácido salicílico, indicado no tratamento de reumatismo.
Dica de consumo: salada de fruta, vitaminas e geléia.

4 Azeite de oliva virgem ou extravirgem: é antioxidante, possui ácidos graxos e vitamina E. É um dos principais componentes da Dieta Mediterrânea, conhecida por reduzir os riscos de câncer e problemas cardiovasculares.
Dica de consumo: in natura como tempero e em substituição aos demais tipos de gordura.

5 Repolho: rico em caroteno, vitamina C e B6, a verdura ativa o metabolismo de carboidratos, proteínas e gorduras. Também contém ácido fólico e fibras, o que ajuda a prevenir vários tipos de câncer, principalmente do aparelho digestivo.
Dica de consumo: salada ou refogado.

6 Arroz integral: assim como o pão, o arroz integral também possui vitamina B e fibras que contribuem para o bom funcionamento do intestino.
Dica de consumo: como substituto do arroz branco.

7 Brócolis: têm compostos importantes para a prevenção de diversos tipos de câncer. O sulforafeno, por exemplo, elimina substâncias químicas das células, responsáveis por mutações cancerígenas.
Dica de consumo: no vapor com azeite de oliva.

8 Batata-doce: é a mais saudável das batatas porque possui os poderosos antioxidantes alfa, betacaroteno e vitamina E, que protegem o organismo da ação dos radicais livres.
Dica de consumo: cozidas ou em forma de purê deixam os nutrientes serem absorvidos mais facilmente.

9 Manga: é riquíssima em vitamina A (sobretudo quando madura) C e E. Também contém sais minerais, como ferro.
Dica de consumo: in natura ou batida no liquidificador e servida gelada como uma sopa de fruta.

10 Salmão: é um dos peixes mais ricos em ácidos graxos e ômega-3, que ajuda na prevenção de câncer de mama e cólon, e também combate problemas cardíacos. Possui ação antiinflamatória e antioxidante.
Dica de consumo: grelhado com azeite, assado em papel alumínio com vegetais ou cru como sashimi.

11 Agrião: esse vegetal verde-escuro é rico em enxofre, potássio, cálcio, fósforo, magnésio, cloro, sódio, ferro, além das vitaminas A, B1, B2 e C. Tem ação diurética, fortificante e depurativa.
Dica de consumo: salada (com os talos, pois é onde se concentra grande parte dos nutrientes) e em sopas.

12 Semente de girassol: boa fonte de ácido graxo e vitamina E. Misturada com sementes de linhaça ou abóbora resulta em uma ótima fonte de estrógeno fraco e ômega-3, combinação que reduz os riscos de tumores de mama.
Dica de consumo: como aperitivo ou salpicada em pratos doces ou salgados.

13 Laranja: contém grande quantidade de vitamina C, antioxidante que ajuda a reduzir o risco de câncer e outras doenças degenerativas. Também é rica em fibras e ácido fólico.
Dica de consumo: in natura ou como suco, sem peneirar, para manter as fibras solúveis, que ajudam no funcionamento do intestino.

14 Pão integral: importante fonte de fibras, auxilia no funcionamento do intestino e, conseqüentemente, ajuda a reduzir o tempo de permanência de uma substância cancerígena no organismo. Também contém vitaminas do complexo B e minerais importantes.
Dica de consumo: sanduíches e torradas.

15 Alho: seus compostos antioxidantes como a quercitina, o sulfato de dialil e o ajoeno ajudam a prevenir o câncer e também protegem o coração.
Dica de consumo: base para refogado na preparação de alimentos ou assado com azeite (aperitivo).

16 Tomate: é antioxidante, laxante e ajuda o organismo a combater infecções. Diminui os índices de câncer de pâncreas, próstata e cervical. É rico em licopeno, componente antioxidante que combate problemas cardíacos e câncer de próstata.
Dica de consumo: base para refogados, salada, suco, molhos e assados.

17 Cenoura: rica em potássio, betacaroteno, vitaminas A e C, a cenoura é antioxidante e anticancerígena.
Dica de consumo: cozida no vapor, crua na salada ou cortada em palitos como aperitivo.

18 Couve-de-bruxelas: é rica em vitamina C, cálcio e ácido fólico. Assim como o repolho e o brócolis, possui carbinol 3 que combate substâncias cancerígenas.
Dica de consumo: cozidas ou no vapor, servida quente como acompanhamento ou fria em saladas.

19 Espinafre: possui minerais como ferro, cálcio e fósforo e vitaminas A e do Complexo B. Também é rico em ácido fólico, para a manutenção do sangue, ossos e dentes. Protegem a pele, o aparelho digestivo e o sistema nervoso.
Dica de consumo: refogado e como recheio de massas, panquecas e tortas.

20 Kiwi: é uma fruta rica em vitamina C e fibras solúveis, o que fortalece o sistema imunológico e auxilia no funcionamento do intestino.
Dica de consumo: in natura, suco, salada de frutas e molhos para assados de carne ou peixe.

FONTES: ADRIANA SERVOS, NUTRICIONISTA / JOCELEM SALGADO, NUTRICIONISTA /RG NUTRI - IDENTIDADE EM NUTRIÇÃO (SP)

TEXTO: DANIELA TRINDADE

PRODUÇÃO CULINÁRIA: IRENE LOPES

http://estilonatural.uol.com.br

 
 
Voltar Topo Indicar a um amigo Imprimir
 
Voltar ao inícioHome PesquisarPesquisarFale conoscoContatoMapa do siteMapa do Site

Clínica Blue Star
Rua Paulo Maldi, 138 - Tucuruvi - São Paulo - SP - CEP: 02303-050 Tel/Fax: (11) 2262.9188
www.bluestar.com.br           clinica@bluestar.com.br

Responsável Técnico: Dr Roland Hannes - CRM 41319
As informações contidas neste site não substituem, em hipótese alguma, sua visita regular ao seu médico.
Somente o médico está apto a diagnosticar qualquer problema de saúde.

  Nipotech